Ela não veste preto (30/4/15, 15:20)

Construímos a ideia
De que quem nos carregará no fim
Veste um manto preto
Carrega uma foice

Por um tempo acreditei nisso
Mas em um sonho
Me veio a imagem de criaturas que um dia perdi

Nós sabemos que esse dia chegará
Tanto para nós
Quanto para os outros

Porém quando nós ficamos e outros vão
O que essa criatura que veste um manto transparente deixa
É a sensação do esquecimentos
Esquecemos como era gostoso
Abraçar o avô
Passar a mão no pelo do animal
Dar o beijo no namorado

Porque hoje em dia
Relacionamentos também morrem

Rafael Abrahão

Deixe uma resposta