Puft! (13/12/14, 22:33)

Sou como o fogo
Sou rápido
Machuco e com água
Sou ferido
Com terra
Não existo

Quando existo
Sou frágil
A qualquer vento
Sou o único elemento
Que se apaga com qualquer coisa

Mas enquanto duro
Sou intenso
Forte
Marcante
Quero apenas me espalhar
Sentir o que há

Mas quando apago, é difícil voltar
Eu quero voltar
Mas tudo o que restou foi a brasa
Do momento registrado no tempo

Rafael Abrahão

Deixe uma resposta