Querida

Ouça a minha voz
E escuta aquilo que te falo.
Discerne a mentira da verdade
E compreende que o meu norte é tua bondade.

Escolhe o melhor caminho
E distancia o sentimento mesquinho.
Pensa naquilo que queres
Mas não pare de pensar em teus alicerces.

Querida, o mundo é vago
Porém a vida não é um fardo.
Te encontrei vagando em uma percepção do que queria
E foi então que percebi o modo que você sorria.

Inevitável é sentir isso
Pensar nisso, querer isso,
Te guiarei como tu me guias
Te encantarei como tu me encantas

Acima de tudo.

Bruno Panhoca

Deixe uma resposta