Tempo Mundo

Hoje eu sou
E assim vejo o Sol,
Girassol,
Girando e cantando
Em mi bemol,
A realidade torcida,
A realeza,
A mentira
Daqui Memphis,
Da cor mais intensa
A que a vida é propensa.

Ontem fui cacho,
Servo, capacho,
Capenga,
Brasa fria,
Bruma sem companhia.

Amanhã serei
Certo, soldado,
Sofia,
Luz do dia,
Esperança, calor,
Nostalgia,
Nascimento, morte,
Martírio, um engano.
Mero reflexo
Do viver cotidiano.

Vítor Soares

 

Deixe uma resposta