Conexão sem fio (7/4/14, 11:13)

Na cidade capital,
Estão todos juntos,
Mas cada um está sozinho.
Quando estou longe de quem gosto,
A solidão pesa.

Andamos pela cidade.
Imaginamos.
Imaginamos tanto,
Que vemos dragões
Em cima de Brasílias.

Ah! Esse sol.
Ah! Essa lua.
Quando os dois estão no céu,
Conectam a sobriedade do dia,
Com a embriaguez da noite.

É realmente uma pena,
Que sua companhia seja efêmera.
E minha satisfação, pequena.

Rafael Abrahão

1 Comment

Deixe uma resposta